Fátima Bernardes 'tatua' palavras que marcaram sua história no 'Encontro' para celebrar 10 anos do programa

0
Tatua palavras para  marcar 10 anos de programa
Fonte: G1


'Foi muito emocionante ter o corpo pintado com palavras que resumem um pouco o espírito do programa', afirmou a apresentadora.


Nesta sexta-feira (24), Fátima Bernardes celebra 10 anos do programa "Encontro". E para a data comemorativa, a apresentadora mostrou o resultado de sua participação no projeto #feitotatuagem, do fotógrafo Sérgio Santoian em parceria com a maquiadora e artista plástica Louise Helène.

Nele, Fátima "tatuou" na pele palavras que refletem o DNA do matinal, simbolizando o significado da atração em sua trajetória pessoal e profissional.

"Família, diversidade, respeito, inclusão, emoção, dança, conversas, humor e surpresa" foram algumas das palavras usada por Fátima para definir os 2566 encontros no matinal. Assista ao vídeo.

"Viver essa experiência foi muito emocionante, porque, além de ser um projeto lindo da Louise e do Sergio, ter o corpo pintado com palavras que resumem um pouco o espírito do programa simboliza que o 'Encontro' vai ficar pra sempre marcado em mim", afirmou Fátima.

Fátima se despede do "Encontro" na próxima semana. A apresentadora vai assumir o comando do "The Voice Brasil". Com sua saída, a partir de 4 de julho, Patrícia Poeta e Manoel Soares, ficam com a apresentação do matinal.

"Em 2012 eu estreei o programa sonhando que ele se tornasse importante, que as pessoas quisessem ver. Mas a trajetória do 'Encontro' – e de toda a equipe comigo – superou as minhas expectativas. Além de eu ter tido a chance de entrevistar artistas incríveis, da música, do teatro, do cinema, da televisão, eu vi que esse programa se tornou um espaço de reflexão e de discussão de questões importantes para o nosso país", afirmou Fátima.

A apresentadora ainda fez um balanço dos aprendizados com a atração ao longo dos anos.



"Hoje eu tenho um olhar muito mais aguçado e mais interessado do que já tinha. Aprendi muito com as pessoas que eu entrevistei, com os especialistas que a gente trouxe para falar, com os parceiros e com a plateia, que sempre se fez presente. Dar atenção a essas pessoas, ouvir as histórias que elas tinham para contar e transformar tantas dessas histórias em pauta, eu diria que é um upgrade no ser humano. Para mim foi extremamente enriquecedora essa década de convivência com o programa."


Fonte: G1

Postar um comentário

0Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

Please Select Embedded Mode To show the Comment System.*

#buttons=(Accept !) #days=(20)

Our website uses cookies to enhance your experience. Leia Mais
Accept !