Cid afirma que Dilma deveria deixar o PT para tirar popularidade do "fundo do poço"

Unknown
0


O ex-ministro da Educação Cid Gomes (PDT) afirmou, em entrevista ao Diário do Nordeste, que a presidente Dilma Rousseff (PT) deve deixar o PT e omitir-se do processo eleitoral da sucessão para reverter os baixos índices de popularidade, que atingiram o "fundo do poço".

Cid ainda atacou mais uma vez o PMDB e o vice-presidente da República, Michel Temer, voltando a acusá-lo de ser "o chefe dos achacadores". O ex-governador explicou que a atual crise política brasileira é oriunda da relação promíscua entre o Executivo e o Legislativo, e que isso já estava posto antes de Dilma e só pode ser mudado nas próximas eleições.

Cid afirmou ainda não acreditar no impeachment da presidente e nem do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB), pelas vias do Parlamento, porém "pode ser que da Justiça Brasileira saia alguma coisa".

Candidatura do irmão

Sobre a candidatura do irmão Ciro Gomes (PDT) à presidência, Cid alertou que Ciro não tem mais idade para uma "anti-candidatura" - "para marcar presença e fazer denúncias".

Fonte: Cearanews7
Tags

Postar um comentário

0Comentários

Please Select Embedded Mode To show the Comment System.*

#buttons=(Accept !) #days=(20)

Our website uses cookies to enhance your experience. Check Now
Accept !