INOCENTADA PELA POLÍCIA, CAMOCINENSE PRESA PELA MORTE DO FILHO SERÁ SOLTA NESTA SEXTA

Unknown
0

IRMÃO DA VÍTIMA RECEBE ALTA 
E DEVERÁ MORAR COM A MÃE EM CAMOCIM

O menino de 5 anos - filho do holandês Stefan Smith, 32 anos, indiciado pela morte do filho mais novo, de 3 anos, por espancamento - recebeu alta do hospital onde estava internado, na tarde desta quarta-feira. Ele ficará em uma casa onde a família da mãe, Antônia Cláudia Marques da Silva, 24 anos, está instalada na capital. Antônia Cláudia, que também está presa, deve ser liberada na sexta-feira (05). A delegada titular da Delegacia da Criança e do Adolescente (Dececa), Ivana Timbó, entendeu que a mulher não foi responsável pela morte da criança. No final de semana, mãe, filho e parentes voltarão para a cidade natal, Camocim.  Suspeitos da morte da criança, Stefan Smith e Cláudia negam o crime, e defendem um ao outro diante das acusações de assassinato e tentativa de ocultação do corpo do próprio filho de 3 anos. O exame cadavérico realizado na vítima encontrada morta em um flat, no bairro Mucuripe, aponta a asfixia como causa da morte. 
O corpo não apresentou lesões - por conta disso ainda não há como apontar o que provocou o sufocamento. A polícia encontrou ainda um bilhete de socorro, repleto de erros: "Por favor chame a polícia apartamento 706 ouvir grito ontem quinta de uma que chorar pelo filho que morreu (sic)". Para os policiais, o bilhete foi escrito pela mãe das crianças, que simulava ser outra pessoa. 


Fonte: Camocim Online
Blog Combate Policial
Tags

Postar um comentário

0Comentários

Please Select Embedded Mode To show the Comment System.*

#buttons=(Accept !) #days=(20)

Our website uses cookies to enhance your experience. Check Now
Accept !